A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 17 a 21 de julho

a-escrava-mae-logo‘A Escrava Isaura’ – Record – 19h30. Confira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 17 de julho
Branca se sente vitoriosa com seu plano bem executado e diz à sua mãe que teve ajuda de Rosa. Bernardo mostra para Moleca os diamantes brutos tirados do quilombo. Gabriel se declara para Perpétua e a beija. Pedrinho bate com uma madeira em Belchior e foge com Maria. O comandante diz a Álvaro que vai encerrar as investigações. Miguel lhe conta sobre a carta de Martinho e pede que o comandante averigue o fato. Perpétua escuta berros de crianças. Pedrinho conta a André sobre os dois defuntos na casa abandonada. André sai para conferir o ocorrido e Perpétua manda uma mensagem para a polícia. Álvaro conta à Isaura o que Branca aprontou. Isaura começa a chorar. O comandante recebe o aviso das mortes. Álvaro, Tomásia e Miguel também são avisados. Belchior chega na fazenda. Branca mostra um vidro de veneno para sua mãe. Estela fica chocada. Branca resolve envenenar Isaura.
Belchior sente-se pressionado com as perguntas de Perpétua e foge. Gabriel quer ir atrás dele, mas cai da cadeira. Álvaro conta à Isaura sobre os novos assassinatos. Isaura passa a acreditar nas palavras de Álvaro sobre o ocorrido com Branca. André e João vão atrás de Belchior. Diogo visita Helena. Aurora e Henrique fazem as pazes. O comandante vai até a fazenda do Coronel Sebastião. Branca encontra Isaura na prisão e a ameaça de morte. Rosauro traz comida para Isaura. Branca o despista e coloca veneno na comida. Geraldo beija Malvina com ardor e diz que deseja tê-la. O comandante suspeita de Álvaro e Miguel. Rosa se lembra de uma conversa com Leôncio sobre as pessoas que ela não gosta. Isaura se contorce de dor e grita para os guardas.

Terça, 18 de julho
O Comandante vai até à fazenda do Coronel. Branca encontra Isaura na prisão e ameaça-a de morte. Rosauro leva comida para Isaura. Branca despista-o e coloca veneno na comida. Isaura janta sem saber. Geraldo beija Malvina com ardor e diz que deseja tê-la. O Comandante suspeita de Álvaro e Miguel. Acredita que eles querem inocentar Isaura. Rosa lembra-se de uma conversa com Leôncio sobre as pessoas que ela não gosta. Isaura contorce-se com dores e grita para os guardas.

Quarta, 19 de julho
Rosauro ajuda Isaura que diz ter sido envenenada. Álvaro sente uma dor no peito, mas passa-lhe. Rosa fica irritada com as acusações de Joaquina e João. Belchior conversa com uma flor presa numa árvore e diz que corre risco de vida. Comandante conversa com o Cel. Sebastião. Rosauro pede ajuda a Isaura. Branca conta à sua mãe que envenenou Isaura. Tomásia recebe a notícia do envenenamento de Isaura. Cel. Sebastião também recebe a notícia. O Comandante volta para a cadeia. Diogo sai logo em seguida. João avisa Álvaro sobre o estado de Isaura. Diogo examina Isaura e diz ao policia que precisa tirá-la de lá. O Comandante proíbe. Diogo coloca ventosas nas costas de Isaura. Rosauro comenta sobre a visita de uma bela rapariga na cadeia. Preocupado com Isaura, Álvaro diz ter matado Leôncio. Isaura é libertada e Álvaro preso. Rosa diz a André que provavelmente foi Branca que envenenou Isaura. Belchior lembra-se das maldades de Leôncio. Francisco procura Belchior para que ele lhe conte tudo o que sabe. Francisco tem uma arma na mão. Bernardo avisa que o quilombo será atacado. Álvaro diz ao Comandante que mentiu. O policial irrita-se e diz que ele será condenado mesmo assim.

Quinta, 20 de julho
O Coronel Sebastião e Malvina, resolvem ir ao encontro do capitão do mato, que diz saber quem é o verdadeiro assassino de Leôncio. Os quilombolas comemoram com uma festa, a sorte no garimpo. Martinho e Raimundo são surpreendidos na cabana abandonada, por alguém que atira contra eles, matando-os. O Comandante Santana não aceita a carta anónima recebida por Tomásia, como prova da inocência de Isaura. Álvaro pede que Rosa escreva o seu nome num papel, para comparar a caligrafia com a da carta anónima. Rosa surpreende Belchior munido de uma faca e diz estar com medo de que alguém lhe faça mal. Helena estranha o nervosismo do seu pai e Malvina, quando chegam a casa. Sinhá Joaquina e João contam a Álvaro, a atitude violenta do senhor Belchior contra André. Aurora discute com Henrique, por achar que ele ainda ama Isaura. Álvaro vai para o seu quarto e bebe a água com sonífero da moringa. Branca já na fazenda de Álvaro, relembra como tudo aconteceu entre ela e Leôncio. Álvaro vê Branca entrar no quarto e entorpecido com o sonífero, acredita que ela é Isaura. Diante dos corpos de Martinho e Raimundo, Francisco jura que fará com que Belchior lhe conte tudo o que sabe sobre a morte do ex-patrão.

Sexta,21 de julho
Malvina chora ao lembrar-se de Leôncio. Álvaro suspeita que Rosa foi quem ajudou Branca a entrar na fazenda. Pedrinho e Maria muito assustados com o senhor Belchior, escapam e correm pedindo socorro. Álvaro toma conhecimento da carta do senhor Martinho e acompanha a Condessa e o senhor Miguel até a esquadra. O Comandante Teobaldo Santana informa que já deu por encerrada, a investigação do crime de Leôncio. Mas diante da informação sobre a carta do capitão do mato, resolve ir até à casa do Coronel Cunha, para averiguar se existe mesmo a mensagem.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta uma página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

.

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 10 a 14 de julho

2600x800-lifestyle-escrava_isauraConfira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 10 de julho
Isaura lamenta para Malvina que provavelmente ela será condenada, mesmo sendo inocente. Flor de Lis aparece na delegacia para ver o sargento. Ao ver Henrique, pede para seu amado que o prenda. Malvina se acalma e pede desculpas para Isaura, dizendo-lhe que ela realmente não é culpada. Tomásia e Miguel vão ao local do crime tentar descobrir alguma pista. Álvaro suspeita que Malvina seja a culpada. Bernardo decide levar os quilombolas para o garimpo como forma de assegurar seu terreno de trabalho e renda. João e Joaquina pressionam Belchior, que se irrita com uma raiva monstruosa. João começa a suspeitar dele. André e Rosa são interrogados pelo comandante Santana. Rosa se contradiz diante do sargento e do comandante. Miguel suspeita que Belchior possa estar sendo ameaçado pelo assassino.
Cel. Sebastião sai para falar com Serafina sobre seu depoimento a favor de Helena. Geraldo questiona Malvina sobre a morte de Leôncio. Malvina nega ser culpada. Branca sente dores na barriga. Estela quer chamar Diogo, mas Branca não deixa. Rosa não quer saber de Isaura. Ela acredita que sua carta de alforria não existirá mais. Gabriel confessa a sua mãe que possui um verdadeiro afeto por Perpétua e que é correspondido por ela também. Gioconda é contra o amor dos dois. Álvaro e André conversam sobre o assassinato. Álvaro desconfia de André, pois, na verdade, eles não estiveram sempre juntos.

Terça, 11 de julho
Álvaro tenta acreditar na inocência de André. Diogo não consegue falar com uma das vítimas do Dr. Paulo para testemunhar a favor de Helena. Cel. Sebastião encontra Serafina e Margarida na rua. Não resiste e lhes implora os testemunhos contra o Dr. Paulo. Álvaro avisa Isaura que ele e Geraldo irão começar a ler os depoimentos dos suspeitos para tentar descobrir o verdadeiro assassino de Leôncio. Rosa fala para o sargento que Belchior não quer depor. Henrique encontra Geraldo beijando Malvina e não os reprovam. Tomásia acha uma garrafa de rum e um fio de cabelo branco na casa abandonada. Martinho e Francisco observam Miguel e Tomásia de longe. O sargento sai atrás de Belchior. Bernardo anuncia aos quilombolas que o garimpo pertence a eles também. A polícia chega na fazenda. Belchior se desespera. Gioconda pede à Tomásia que retire Álvaro e Perpétua de sua casa. Pedrinho conta para Álvaro o ocorrido sobre Perpétua. Helena teme ser morta. Isaura a consola. Belchior conversa com o comandante.

Quarta, 12 de julho
Belchior conta ao comandante como Isaura foi raptada. Álvaro chega no meio da confusão entre Gioconda e Gabriel. Ao perceber que sua mãe está encabulada com a situação, ele decide ir para sua fazenda. Francisco pede que Raimundo tente descobrir algo sobre as investigações. Álvaro fica curioso sobre o suposto romance entre Gabriel e sua mãe. O comandante diz a Belchior que ele está protegendo Isaura por ela ser a verdadeira culpada pelo assassinato de Leôncio. Álvaro acalma sua mãe dizendo que faz muito gosto da relação entre ela e Gabriel. Bernardo sai para o garimpo com os quilombolas. Cel. Sebastião fica preocupado com o julgamento de Helena. Geraldo busca Helena. Martinho vai até a fazenda conversar com Belchior sobre a morte de Leôncio. Rosa tenta ouvir a conversa dos dois. Branca pensa colocar sonífero para Álvaro dormir ao lado dela. Tomásia e Miguel recebem um bilhete anônimo ameaçando-os de morte caso continuem investigando a morte de Leôncio.

Quinta, 13 de julho
Começa o julgamento de Helena. Álvaro jura fidelidade a Isaura. Martinho confessa a Belchior que não sabia nada sobre a morte de seu chefe, mas agora descobriu tudo. Belchior se apavora. Rosa diz a André que não conseguiu ouvir toda a conversa entre Martinho e Belchior. O Comandante Santana pede para que Isaura confesse seu crime. Perpétua lê uma história para Pedrinho e Maria. Cel. Sebastião testemunha a favor de sua filha. Joaquina desconfia que Rosa saiba quem é o assassino. Estela pergunta à Branca onde ela esteve no dia em que Leôncio morreu. Diogo testemunha. Martinho conta para Raimundo quem matou Leôncio. Tomásia testemunha, mas o juiz não aceita suas declarações. Isaura quer ver Belchior.

Sexta, 14 de julho
Álvaro tenta, mais uma vez, convencer Isaura a assumir o crime. Serafina é impedida de dar depoimento. Raimundo e Martinho planejam arrancar dinheiro de Belchior. André tenta descobrir o que Rosa sabe sobre a morte de Leôncio. O promotor pede a condenação de Helena. Belchior fica desesperado por ter sido enganado por Martinho. Geraldo apresenta a defesa de Helena. Eugênia depõe e conta que Dr. Paulo tentou matá-la. Gabriel rouba um beijo de Perpétua. Helena é absolvida. Bêbado, Belchior ameaça matar João e Joaquina. Branca paga Rosa para deixá-la entrar na casa de Álvaro. Martinho manda um recado à Malvina dizendo que sabe quem matou Leôncio. Miguel recebe uma carta de ameaça.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta uma página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 03 a 07 de julho

a-escrava-isaura-record-2gd1

Confira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 03 de julho
O sargento chega na fazenda e diz a Joaquina que será uma questão de honra prender Leôncio. Miguel e Tomásia saem de carruagem atrás de Isaura. Leôncio ameaça Isaura com uma faca caso ela não se cale. Leôncio começa a usar a faca para rasgar o vestido de Isaura. Isaura consegue soltar suas mãos. Ao seu lado, vê um pedaço de madeira. Na mesma hora, ela o pega e acerta na cabeça de Leôncio, que desmaia. Isaura procura nos bolsos dele a chave do cadeado. Mesmo com as mãos tremendo, pega as chaves e solta os grilhões de ferro. Depois, pega a faca de Leôncio e corta as amarras dos pés e sua mordaça. Subitamente, Leôncio acorda. Desesperada, Isaura dá uma facada na mão dele, que grita de dor. Serafina vai até a casa do Cel. Sebastião dizer que agora não é mais uma rameira. Ele deve decidir com quem irá se casar. O coronel escolhe Gioconda.
Isaura foge pela mata. Leôncio sai atrás dela e a alcança. Para detê-la, ele a sufoca. Isaura desmaia. Leôncio beija Isaura, que ainda está desacordada. Tomásia ampara Miguel, que está muito nervoso e desesperado pelo rapto de sua filha. Henrique decide ir atrás de Isaura. Rosa e Joaquina estão rezando quando, de repente, uma ideia surge. Rosa se lembra que existe uma casa abandonada na fazenda. Leôncio pode ter levado Isaura para lá. Sebastião suspeita do mesmo lugar que Rosa e sai para ajudar Isaura. Malvina pega uma arma e vai atrás de seu pai. André diz a Álvaro que há uma possibilidade de Isaura estar presa em uma cabana de caça do comendador. Joaquina avisa Miguel e Tomásia sobre o que ela ficou sabendo. Eles saem apressados. João também desconfia da cabana. Ele e o sargento vão na direção certa.
Branca se diverte com a situação de Isaura. Leôncio chora aos pés de Isaura, que está desmaiada. De repente, um barulho surge atrás de Leôncio. Com um golpe rápido, uma faca entra pelo corpo dele. Joaquina reza por Isaura. Leôncio cai morto ao lado de Isaura, que tenta tirar a faca do peito do seu ex-senhor. O sargento chega e encontra Isaura com uma faca ensanguentada nas mãos. Na mesma hora, dá ordem de prisão a ela. Álvaro chega na cabana e vê Isaura. Chegam também no local Miguel, Tomásia, Cel. Sebastião, Henrique, Geraldo, Malvina, Belchior, Rosa, André e João. O sargento pede a todos que compareçam na delegacia. João levanta a dúvida: quem realmente matou Leôncio?

Terça, 04 de julho
Malvina chora a morte de Leôncio. João desconfia de André. O Sargento lê a carta em que Helena confessa que matou o Dr. Paulo. Joaquina chora pela morte de Leôncio. Rosa e Joaquina acham que Belchior sabe quem matou Leôncio. André e João levam o corpo de Leôncio para a charrete. Isaura fica triste com a sua prisão. O Sargento recebe a ordem de prisão para Helena e outra para Isaura. O juiz manda soltar Diogo. Aurora consola Helena. O Sargento não cede aos apelos de Álvaro e manda levar Isaura para cela. Álvaro faz companhia a Isaura, na cadeia. Helena despede-se de Diogo antes de ser presa. Álvaro e Isaura pensam nos suspeitos. Belchior vai a pedido de Malvina perguntar a Álvaro se pode enterrar Leôncio na fazenda. Sebastião quer que o enterro seja breve. André e João negam-se a ir ao enterro. Leôncio é sepultado. Branca fica feliz com a prisão de Isaura. Helena presta depoimento. Helena encontra Isaura na cela. Francisco ameaça vingar a morte de Leôncio.

Quarta, 05 de julho
Rosa cobra a carta de alforria a Sebastião. Isaura e Helena conversam. Aurora conta a Sebastião que Helena foi presa. Malvina desconfia que Sebastião matou Leôncio. Gabriel com a ajuda de Perpétua consegue mexer a perna. Pedrinho conta a Perpétua e Gabriel sobre a morte de Leôncio e a prisão de Isaura. Rosa diz que desconfia de Belchior. João e Joaquina colocam Rosa contra a parede. Gioconda declara a sua desconfiança em Tomásia. Sebastião diz que Malvina também é suspeita. Belchior diz que não vai esquecer a cara que Leôncio fez quando levou as facadas, o que aumentam as suspeitas sobre ele. Rosa e André desconfiam um do outro. Álvaro pensa com tristeza em Isaura. Geraldo sugere a Isaura que assuma o crime, mas ela nega-se a mentir. Sebastião tem um pesadelo com Leôncio. Isaura e Helena ficam desconfiadas com a sugestão de Geraldo.

Quinta, 06 de julho
Álvaro decide investigar o assassinato de Leôncio. Tomásia e Miguel também tentam investigar, para salvar Isaura. Álvaro desconfia de Geraldo e Malvina. Isaura tem pesadelos com Leôncio. Aurora cobiça Henrique. Bernardo e Moleca chegam ao quilombo. Rosa continua desconfianda de Belchior. Francisco ameaça Belchior. Gabriel comemora os seus movimentos com as pernas. Sebastião vai a casa de Gioconda acertar os detalhes do seu casamento. Geraldo avisa Helena que o seu julgamento foi marcado. André aponta uma arma a Francisco e expulsa-o da fazenda. Gioconda avisa Sebastião de que ele é suspeito. Álvaro presta depoimento e visita Isaura.

Sexta, 07 de julho
Álvaro tenta fazer Isaura lembrar-se de alguma coisa referente à morte de Leôncio. O Sargento diz que Tomásia é uma forte suspeita. Malvina lamenta a morte de Leôncio. Para mudar de assunto, Henrique conta a Malvina que Aurora aceitou o seu pedido de casamento. Miguel fica indignado com a acusação do Sargento. Álvaro desfaz a idéia de que André seja o assassino, pois ele esteve ao seu lado todo o tempo. Cel. Sebastião vai depor na Delegacia. Gioconda olha as mãos de Perpétua e Gabriel entrelaçadas. Fica surpresa e sai da sala. Moleca decide criar Basílio como seu filho. Bernardo concorda e promete-lhe encontrar a sua mãe que um dia foi levada do quilombo. Tomásia pressiona Belchior para que ele conte tudo sobre o que viu no dia da morte de Leôncio. André sai para falar com o Sargento. Cel. Sebastião diz ao Sargento que ouviu gritos e logo depois viu Belchior sair a correr em direção à mata. O Sargento acredita que o Coronel esconde ainda algo sobre os acontecimentos. Tomásia e Miguel desconfiam de Belchior. Rosa e André também. Após o seu depoimento, o Cel. Sebastião tenta acalmar Helena para o julgamento. Malvina é interrogada e diz que tem um álibe: Geraldo. Conta que o rapaz esteve ao seu lado todo o tempo. Malvina depõe e logo depois sai para ver Helena. Henrique começa a depor. O Sargento diz-lhe que também é um suspeito, visto que também desejava a morte do senhor Leôncio. Malvina acusa Isaura alegando que quando uma mulher perde a cabeça é capaz de fazer qualquer coisa. E alerta-a que se uma delas tiver de ser condenada que seja Isaura e não ela.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta uma página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 26 a 30 de junho

a-escrava-mae-logoConfira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 26 de junho
Rosa se insinua para Álvaro e diz que ele vai ser infeliz com Isaura. Leôncio manda reunir homens para raptar Isaura. Rosa implica com Pedrinho. O sargento acredita no depoimento de Diogo e sai em busca de Leôncio. Sebastião pensa nas propostas de Gioconda. Helena quer confessar que matou Paulo. Serafina chora pelo roubo de suas joias. Isaura toca piano para Álvaro. Miguel e Tomásia fazem planos para o casamento. Rosa mente para Belchior dizendo que beijou Álvaro e manda contar isso à Isaura. Branca diz à Estela que vai contratar um pistoleiro para matar Isaura. Henrique cobra Aurora sobre a proposta de casamento. Raimundo diz ao sargento que Leôncio está escondido na mata. Leôncio é preso, mas não encontram as joias de Serafina. Perpétua faz exercícios para que Gabriel volte a andar. O sargento tortura Leôncio com socos e pontapés para saber onde estão as joias de Serafina.

Terça, 27 de junho
O sargento continua a bater em Leôncio. Todos se arrumam para o casamento de Miguel. Tomásia visita Diogo na cadeia e discute com Leôncio. Martinho e Francisco planejam libertar Leôncio. Serafina recebe carta de Violeta. Helena pede para Sebastião levá-la para visitar Diogo. Serafina decide fechar o bordel. Todos chegam para o casamento. Malvina chega com Helena e Sebastião na cadeia, mas desiste quando descobre que Leôncio está preso. Leôncio enfrenta Sebastião e Helena. Isaura e Álvaro fazem planos. O juiz nega o pedido de liberdade para Leôncio. Geraldo está ansioso pela chegada de Malvina. Belchior conta a João e Joaquina o que Rosa disse sobre Álvaro. Branca que ir ao casamento. Álvaro e Isaura recebem a notícia que Leôncio está preso. Gabriel se declara para Perpétua. Sebastião aceita as condições de Gioconda que manda marcar o casamento. Começa o casamento de Miguel e Tomásia. O sargento ameaça Leôncio.

Quarta, 28 de junho
Leôncio, com medo, pede para o sargento parar com a surra. As flores de Serafina estão tristes com o fechamento do bordel. Malvina conversa com Geraldo. Martinho e Francisco planejam libertar Leôncio à noite. Álvaro diz a Isaura que eles se casarão em dois dias. Belchior conta para André as intrigas de Rosa. Rosa exige de Sebastião sua alforria. Álvaro discute com Rosa. O sargento deixa Leôncio sem comida e Diogo lhe dá os restos de seu jantar. Bernardo pede para Henrique tomar conta da pensão enquanto ele vai ao quilombo. Isaura e Álvaro sugerem a Sebastião a compra de Rosa. André tira satisfações com Rosa. André chama Álvaro para conversar sobre as intrigas de Rosa. Isaura volta para sua fazenda. O sargento vai a festa de Serafina. Martinho dá a bebida com sonífero para os guardas que dormem. Martinho liberta Leôncio.

Quinta, 29 de junho
Francisco tira Leôncio da cadeia escondido. Leôncio pede uma arma para matar Diogo. Leôncio sai para raptar sua amada. Isaura não acredita nas intrigas de Rosa. Joaquina diz que irá preparar um banquete para Álvaro e Isaura. Serafina decide transformar o bordel em um orfanato para crianças rejeitadas. Margarida diz que vai voltar para o castelo de dona Genivalda. Já Flor de Lis não sabe para onde ir. Na mesma hora, o sargento resolve alugar um quarto na pensão para ela e aproveita para dizer que percebeu gostar muito dela. Belchior sai para ir a festa na casa de Serafina. Tomásia tem um pesadelo e acorda assustada. Diogo acorda e percebe que Leôncio fugiu. Começa a gritar pelos guardas, mas eles não aparecem. Geraldo conta a Branca sobre o casamento de Álvaro.
Isaura conta à Rosa que deseja comprá-la de seu pai para lhe dar a alforria. Rosa se emociona e pede perdão à Isaura. Isaura sai para passear e encontra um filhote de cachorro. Encantada com o animal, não percebe que Leôncio chega por trás dela com uma arma. Ele tapa a boca de Isaura com a mão e aponta a arma para seu rosto. Belchior aparece. Leôncio dá uma coronhada com força na cabeça dele. O sargento chega na prisão e encontra todos seus guardas dormindo. Diogo diz ao Sargento que ele deve avisar a todos sobre a fuga de Leôncio. Rosa conta a André que pediu perdão à Isaura. Joaquina estranha a demora de Isaura. Álvaro chega sem sua noiva. Todos ficam preocupados. Belchior grita por socorro. Álvaro escuta e descobre que Leôncio pegou Isaura. O sargento avisa Miguel sobre a fuga de Leôncio. Isaura é levada para uma casa abandonada. Leôncio diz a Isaura que vai possuí-la.

Sexta, 30 de junho
Leôncio prende Isaura. Francisco sai e os deixam sozinhos. Álvaro parte atrás de Isaura junto com os quilombolas e escravos libertos. Rosa reza por Isaura. O sargento chega na fazenda e diz a Joaquina que será uma questão de honra prender Leôncio. Miguel e Tomásia saem de carruagem atrás de Isaura. Helena visita Diogo na prisão. Isaura grita por socorro. Leôncio dá risadas e a avisa que ninguém poderá salvá-la. Leôncio ameaça Isaura com uma faca caso ela não se cale. Gioconda chega na casa do Cel. Sebastião e lhe conta sobre o rapto de Isaura. Leôncio começa a usar a faca para rasgar o vestido de Isaura. Helena escreve uma carta para o sargento contando a verdade sobre o assassinato do Dr. Paulo. Maria, amiga de Pedrinho, conta à Perpétua que Isaura foi levada por Leôncio. Gabriel se irrita e diz que a única forma de deter Leôncio é matando-o. Geraldo avisa Malvina que o resultado de sua petição na justiça saiu e que agora ela é oficialmente uma mulher separada.
Isaura consegue soltar suas mãos. Ao seu lado, vê um pedaço de madeira. Na mesma hora, ela o pega e acerta na cabeça de Leôncio, que desmaia. Isaura procura nos bolsos dele a chave do cadeado. Mesmo com as mãos tremendo, ela pega as chaves e solta os grilhões de ferro. Depois, pega a faca de Leôncio e corta as amarras dos pés e sua mordaça. Subitamente, Leôncio acorda. Desesperada, Isaura dá uma facada na mão dele, que grita de dor. Serafina vai até a casa do Cel. Sebastião dizer que agora não é mais uma rameira. Ele deve decidir com quem irá se casar. O Coronel escolhe Gioconda. Isaura foge pela mata. Leôncio sai atrás dela e a alcança. Para detê-la, ele a sufoca. Isaura desmaia.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta uma página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

.

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 19 a 23 de junho

a-escrava-mae-logoConfira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 19 de junho
Leôncio vai embora à pé. Isaura recebe sua carta de alforria. Malvina se despede de todos. Leôncio implora que Malvina o leve para falar com Sebastião. Isaura e Álvaro expulsam Francisco e Raimundo da fazenda. André e Rosa se beijam. Os quilombolas chegam a fazenda para atacar. Malvina chega a fazenda de Sebastião acompanhada de Leôncio. Sebastião fica surpreso com a chegada de Leôncio. João chega a fazenda e recebe as boas notícias. Isaura dá a liberdade a todos os escravos da fazenda. Henrique dá um soco em Leôncio. Sebastião ameaça Leôncio com uma arma. Todos comemoram a liberdade de Isaura. Malvina pede para Sebastião ajudar Leôncio. Sebastião dá uma mísera mesada a Leôncio. Belchior leva o convite para o sarau de Isaura para Perpétua, Gioconda e Gabriel. Leôncio vai ao bordel. Sebastião, Henrique, Helena e Aurora se arrumam para o sarau. Malvina decide ir à festa comemorar. Leôncio diz a Serafina que quer seus serviços de graça. Branca se irrita com a liberdade de Isaura e ameaça matá-la. Todos festejam a liberdade de Isaura, menos Rosa, que está triste, e Belchior, que fica bêbado.

Terça, 20 de junho
Sebastião fica surpreso com a chegada de Leôncio. João chega à fazenda e recebe as boas notícias. Isaura dá a liberdade a todos os escravos da fazenda. Henrique dá um soco em Leôncio. Sebastião furioso ameaça Leôncio com uma arma. Todos comemoram a liberdade de Isaura. Os escravos festejam o lindu da liberdade. Malvina pede a Sebastião para ajudar Leôncio. Sebastião dá uma mísera mesada a Leôncio. Belchior leva o convite para o sarau de Isaura a Perpétua, Gioconda e Gabriel. Leôncio vai ao bordel. Sebastião, Henrique, Helena e Aurora arramjam-se para o sarau. Malvina decide ir à festa comemorar. Leôncio diz a Serafina que quer seus serviços de graça. Branca irrita-se com a liberdade de Isaura e ameaça matá-la. Todos festejam a liberdade de Isaura, menos Rosa que está triste e Belchior que fica bêbado. Leôncio diz a Francisco e Martinho que planeja matar Álvaro e sequestrar Isaura.

Quarta, 21 de junho
Leôncio conversa com Francisco sobre Isaura. Álvaro e Isaura recebem amigos e familiares na fazenda para celebrarem a liberdade dos escravos e a união do casal. Rosa fica aborrecida por continuar escrava e Isaura ter conseguido sua carta de alforria. Gioconda sente ciúmes do Cel. Sebastião com Perpétua. Leôncio pede a arma de Francisco emprestada. Isaura emociona-se ao tocar piano para os convidados. Rosa diz a Belchior que vai tentar conquistar Álvaro. Helena sente saudades de Diogo. Branca decide ir ao sarau de Isaura dizer que está grávida de Álvaro. Geraldo decide ser o advogado de Malvina na separação judicial dela com Leôncio. Rosa diz a Gioconda que o seu pai não a ama. Cel. Sebastião passa mal depois de ouvir desaforos de Rosa a seu respeito. Henrique sente ciúmes de Aurora com Álvaro. Belchior pede conselhos ao Cel. Sebastião para conseguir conquistar mulheres. Tomásia teme que Leôncio apronte algo. Francisco vende a sua arma a Leôncio. Tomásia e Isaura falam dos seus sofrimentos. Tomásia diz-lhe que a sua vingança estará completa quando Leôncio estiver atrás das grades ou morto.

Quinta, 22 de junho
Isaura sugere a Tomásia que ela adote uma criança já que não pode engravidar. Belchior pensa nas mulheres que nunca teve. Aurora toca piano na festa de Isaura. Leôncio encontra Flor de Lis agride-a. Ela revolta-se e encosta uma garrafa partida ao pescoço dele. O Sargento pede que ela abaixe a garrafa. Serafina sobe com Leôncio para a sua alcova. Cel. Sebastião pede novamente Gioconda em casamento. Tomásia insiste que Bernardo e Moleca estejam no seu casamento. Eles aceitam o pedido. Geraldo diz a Malvina que ela é o amor de sua vida, mas ela pede paciência. Branca jura a sua mãe que Álvaro e Isaura não ficarão juntos se depender dela. Tomásia elogia a festa de Isaura. Álvaro despede-se de Isaura para voltar à casa da Condessa. Flor de Lis e o sargento beijam-se após uma conversa. Cel. Sebastião fica curioso com as intenções de Geraldo com Malvina. Antes de se deitar, Isaura agradece o seu dia com uma oração. Leôncio entra no quarto onde Isaura dorme e coloca-lhe uma faca no pescoço. Ele beija-a e deita-se ao lado dela. Isaura acorda do pesadelo apavorada. Vai até à janela e verifica a tranca. Diogo visita Helena mesmo estando foragido. Isaura conta a seu pai, sobre o pesadelo. Na saída do bordel, Leôncio nega-se a pagar Serafina. As florzinhas da casa armam-se de canivetes. Leôncio assusta-se.

Sexta, 23 de junho
Com medo de levar uma facada, Leôncio paga Serafina e vai-se embora. Joaquina chega para visitar Isaura. Isaura entrega a carta de alforria de Joaquina. Tomásia pergunta a sua mãe sobre o seu casamento com o Cel Sebastião. Gioconda faz uma cara de mistério. Serafina descobre que as suas jóias e dinheiro foram roubados. Ela decide então ir à Delegacia. Leôncio cava um buraco para esconder as jóias de Serafina. Depois tapa o buraco. Helena quer contar a verdade sobre o assassinato, mas Diogo não deixa. Pedrinho reencontra Isaura. Serafina diz ao Sargento que fechará o seu bordel até que encontrem as suas jóias. Henrique pede Aurora em casamento durante um piquenique. Gioconda aceita casar-se, mas impõe algumas condições. Geraldo escreve a carta de separação de Malvina. Diogo e Helena conversam sobre a situação deles. Geraldo dá algumas esperanças a Helena sobre a situação de Diogo. Branca trama um plano para separar Isaura de Álvaro. O Sargento chega na casa do Cel. Sebastião. Diogo apresenta-se antes de começarem as buscas à sua procura. Rosa decide atacar Álvaro para que Isaura acredite que ele não vale nada. Leôncio pede ajuda pra sequestrar Isaura. Rosa pede um beijo a Álvaro.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta uma página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 12 a 16 de junho

2600x800-lifestyle-escrava_isauraConfira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 12 de junho
Leôncio manda o Sargento prender Bernardo. Geraldo, Branca e Estela se hospedam no hotel de Bernardo. Helena diz a Henrique que matou Dr. Paulo. Henrique fica radiante em saber que será tio. Álvaro chega de surpresa na casa de Tomásia. Para salvar Isaura, Álvaro e Miguel vão até a delegacia denunciar Leôncio. Depois das 50 chibatadas, Leôncio manda colocar sal grosso nas feridas de André. Henrique pede que Sebastião volte para casa. Geraldo toma um susto ao ver Álvaro. João reúne os quilombolas para invadir a fazenda de Leôncio. Álvaro chega a delegacia e exige a prisão de Leôncio. Malvina se esconde e ouve Leôncio dizer a Francisco que vai matá-la. Malvina perdoa Rosa. Sebastião diz à Serafina que vai se casar com Gioconda. Malvina ameaça Leôncio. Sargento chega a fazenda para prender Leôncio. Leôncio diz a Miguel e Tomásia que vai se vingar em Isaura.

Terça, 13 de junho
Leôncio é colocado na cela. Malvina leva água e frutas a Isaura e André e Aproveita para dizer que Álvaro está vivo. O Sargento pede a Álvaro para não ir à fazenda dos Almeida. Leôncio manda o prato de comida ao chão. Rosa conta a Malvina que Leôncio queria matá-la depois dela pagar a hipoteca. Aurora e Helena falam das suas tristezas de vida. Henrique e Flor-de-Lis discutem. Malvina escreve uma carta ao seu pai. Leôncio tenta subornar o Sargento, mas ele não aceita. Cel. Sebastião diz a Henrique que ele voltará ser o seu herdeiro. Perpétua e Pedrinho chegam a casa da Condessa para velarem o corpo de Álvaro. Ao entrar na sala, Perpetua encontra Gioconda e Álvaro. Perpétua cai, chorando. Malvina visita Leôncio na prisão. Helena não tem apetite para comer. Guarací, mulher de Areski passa mal. Diogo decide ir à cidade procurar um remédio para curar a varíola que ela tem. Geraldo encontra a sua mãe e irmã e conta-lhes que Álvaro está vivo. Cel. Sebastião recebe uma carta de Malvina pedindo que ele não pague a hipoteca da fazenda. Malvina decidiu deixar Leôncio. André sofre de dor.

Quarta, 14 de junho
Raimundo dá água a André, depois de Isaura lhe prometer dinheiro. Branca sente enjôo. Geraldo desconfia que Branca esteja grávida de Leôncio. Gioconda e Tomásia decidem visitar o Coronel. O Sargento leva o almoço a Leôncio. Após reclamar de tudo, devora a comida. João vai à frente da tropa dos quilombolas armados, para salvar André. Rosa conta a Francisco que Malvina não pagará a hipoteca. Francisco vai contar o acontecimento a Leôncio. Rosa vai ter com André e diz que o ama. Miguel e Álvaro vão até à prisão, onde está Leôncio, para proporem um acordo. Perpétua diz a Gabriel que ainda há uma chance dele voltar a caminhar. Helena conta toda verdade sobre a morte do Dr. Paulo a Tomásia. Serafina aconselha Flor-de-Lis sobre Henrique. Rosa tenta matar Isaura, mas Raimundo não deixa. Álvaro decide ir ao banco para se informar sobre a hipoteca de Leôncio. Francisco vai ter com Leôncio e conta- lhe o que Malvina planeja fazer. Cel. Sebastião pede Gioconda em casamento. Leôncio é libertado por uma ordem de soltura do juiz.

Quinta, 15 de junho
Leôncio sai da prisão e ainda provoca o Sargento. Malvina chega a casa de seu pai e pede desculpas a Tomásia. Raimundo tira André do tronco. Rosa e Isaura cuidam das costas de André. Estela pressiona Branca a falar sobre a sua gravidez. Branca confessa que dormiu com Leôncio, mas diz que foi forçada. Henrique recita versos para Aurora e a beija. Malvina conversa com Helena sobre Geraldo. Gioconda conta ao filho que o seu pai lhe pediu a mão em casamento. Tomásia fica feliz, e diz que para o amor não há idade. Perpétua concorda e olha para Gabriel. Malvina pede a Belchior que a ajude na sua mudança. Leôncio vai à fazenda e encontra Malvina de malas prontas. Leôncio fica bravo e exige os comprovativos do pagamento da hipoteca. Malvina diz que não estão com ela. Leôncio fica violento. Francisco fica irritado ao ver André fora do tronco. Belchior tenta ajudar Malvina, mas é espancado por Leôncio. Álvaro descobre que Leôncio foi solto. Decide ir à fazenda e pede uma escolta. O Sargento fica preocupado, mas Álvaro diz que comprou tudo o que pertencia a Leôncio, inclusivé Isaura. Diogo chega da cidade com o remédio de Guarací. Flor-de-Lis vai a casa de Henrique e exige uma casa em seu nome. Henrique irrita-se e coloca-a fora de sua casa.

Sexta, 16 de junho
Leôncio tranca Malvina no quarto, manda Rosa para o pelourinho e ordena que Francisco acorrente Isaura à cama de hóspedes. Geraldo conta a Tomásia que Álvaro comprou a dívida de Leôncio e foi à fazenda. Sebastião preocupa-se com Malvina. Álvaro chega à fazenda e diz a Leôncio que a comprou. Álvaro liberta Isaura e André. Leôncio examina incrédulo os papéis. Leôncio ameaça matar Malvina e suicidar-se. Francisco trai Leôncio. Rosa cuida de André. Álvaro e Miguel comemoram. Branca planeja dizer que está grávida de Álvaro. Leôncio pede para morar em casa de Francisco. Rosa pede a Álvaro para ficar na fazenda cuidando de André. Álvaro diz a Rosa que vai consultar Isaura.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta uma página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 05 a 09 de junho

2600x800-lifestyle-escrava_isauraConfira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 05 de junho
Isaura conversa com Moleca. Tomásia acredita que pode confiar em Geraldo para levar Isaura para o exterior. Geraldo quer se vingar de Leôncio. Malvina se lamenta para Belchior. Leôncio sonha com Isaura. Gabriel escreve uma carta para Aurora. Gioconda se preocupa com esse novo amor de seu filho. Helena e Diogo chegam na casa do Coronel Sebastião e contam sobre a morte do Dr. Paulo. Diogo se despede, mas pede para que Helena diga que ele é o responsável pelo o ocorrido. Ao amanhecer, Álvaro e Tibério voltam a caminhar em direção ao quilombo.

Terça, 06 de junho
O Sargento diz a Geraldo que não achou o corpo de Álvaro. Isaura não quer fugir enquanto não achar Álvaro. Branca chega em Campos e fica sabendo da morte de Álvaro. A morte do Dr. Paulo cai nos ouvidos do Sargento. Cel. Sebastião e Helena são interrogados pelo assassinato. Leôncio descobre que Isaura está na pensão.

Quarta, 07 de junho
Álvaro encontra o quilombo onde é recebido por João e Joaquina. Bernardo se desespera ao ver sua pensão cercada. Álvaro conta a João o que lhe aconteceu. Moleca esconde Isaura e André em um quarto falso atrás de um armário. Malvina decide ficar em casa para ajudar Isaura quando ela for capturada. André teme morrer. Álvaro consegue um cavalo para voltar para Campos. Martinho mostra para o Sargento a carta do juiz liberando a entrada deles na pensão. Branca e Estela vão até a casa da Condessa procurar por Geraldo. Estela diz à Tomásia que há um tumulto em frente a pensão. Miguel decide ir até sua filha. Leôncio entra na pensão e diz saber exatamente onde Isaura se escondeu. André segura uma arma para defendê-los.

Quinta, 08 de junho
A porta do quarto abre. Isaura e André se entregam. Leôncio bate em Isaura. Leôncio arrasta Isaura pelos cabelos. Leôncio manda o Sargento prender Bernardo. Miguel chora pelo sofrimento de Isaura. Branca deseja mal à Isaura e deixa Gabriel irritado. Leôncio se surpreende com Malvina que ainda está em sua fazenda. Leôncio manda André e Isaura para o pelourinho. Rosa se diverte com o sofrimento de Isaura. Flor-de-Lis vai à casa de Sebastião e diz à Aurora que está grávida de Henrique. Malvina ameaça deixar Leôncio na miséria. Tomásia expulsa Branca de sua casa. Belchior vai até o pelourinho falar com Isaura.

Sexta, 09 de junho
Isaura pede que Belchior ajude André a fugir. Malvina proíbe Leôncio de maltratar André e Isaura. Rosa diz que faria tudo para ver André livre. Isaura diz a Leôncio que não se entregou a Álvaro. Sargento dá a notícia a Gioconda e Tomásia sobre a fuga de Diogo. Geraldo, Branca e Estela se hospedam no hotel de Bernardo. Helena diz a Henrique que matou Dr. Paulo. Leôncio começa a açoitar André com 50 chibatadas. Henrique fica radiante em saber que será tio. Rosa pede que Malvina salve André. Álvaro chega de surpresa na casa de Tomásia.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta uma página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

 

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 22 a 26 de maio

a-escrava-mae-logoConfira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 22 de maio
Miguel leva Gabriel para um passeio. Rosa pede ao coronel para ir ao casamento de Isaura. Cel. Sebastião avisa Rosa que Aurora, filha de uma irmã-prima, virá visitá-los. Gioconda recebe uma carta de perdão do Cel. Sebastião e Tomásia uma mensagem de telégrafo de Álvaro dizendo que está voltando para Campos. Leôncio ameaça Belchior caso ele ouse tocar em Isaura após o casamento. Leôncio diz a Belchior quais serão as regras do casamento e aproveita para pedir a Francisco que tire a coleira de ferro do pescoço de Isaura. Henrique quer raptar Isaura. Miguel visita Isaura. Álvaro chega na casa de Tomásia e lhe conta a verdade sobre as cartas falsas. Tomásia acolhe Álvaro em sua casa. Geraldo pensa em algo para ajudar Isaura.
Cel. Sebastião deixa Rosa ir ao casamento. Helena sonha com Diogo. Tomásia diz a Miguel que Álvaro quer raptar Isaura. André conversa com João e Joaquina. Miguel visita Álvaro. Estela pede para que sua filha peça perdão à Perpétua, mas ela nega. Leôncio leva Isaura para o quarto e lhe diz que será sua despedida de solteira. Leôncio discute com Isaura. Belchior comemora sua despedida de solteiro. Álvaro insiste que vai raptar Isaura. Serafina rejeita Belchior. Diogo e Helena estão felizes em uma hospedaria. Leôncio bate em Isaura e ameaça matá-la. Malvina flagra Leôncio. Malvina ameaça deixar Leôncio na miséria. Dr. Paulo briga com Belchior. Leôncio assume que deu presentes para Isaura. Álvaro melhora da febre amarela e vai ao casamento. Belchior se arruma para seu casamento. Isaura veste seu vestido de noiva. Álvaro pede ajuda à Tomásia para raptar Isaura.

Terça, 23 de maio
Leôncio despreza Belchior. Álvaro chega à igreja e rapta Isaura. Leôncio, Malvina e Belchior ainda esperam por Isaura no altar. Rosa imagina o casamento de Isaura. Leôncio vai até a porta da igreja e descobre que Isaura fugiu. Belchior fica desolado. Geraldo galanteia Malvina. Leôncio reúne os capatazes para encontrar Isaura. Malvina chora no ombro de Sebastião. Miguel discute com Martinho. Miguel bate em Leôncio. Diogo e Helena namoram. Malvina não aceita os elogios de Geraldo. Belchior chora. Henrique lamenta a fuga de Isaura. Estela leva Branca para se desculpar com Perpétua. André chega a casa de Tomásia. Sebastião recebe a prima Aurora. Isaura e Álvaro escondem-se na mata.

Quarta, 24 de maio
Isaura veste o vestido que a Condessa lhe enviou. Rosa conhece Aurora. Miguel preocupa-se com a fuga de Isaura. Álvaro monta uma cabana para ele e Isaura. Álvaro continua com febre. Cel. Sebastião conta a Rosa que Isaura foi raptada por Álvaro antes de se casar.

Quinta, 25 de maio
Belchior oferece muito dinheiro para ter uma noite com uma florzinha do bordel, mas nenhuma aceita. Pedrinho entorna limonada na roupa de Branca que logo o ameaça. Rosa não sabe se pode confiar em Aurora. Leôncio quer Isaura de volta custe o que custar. Tomásia tenta diminuir a preocupação de Miguel com a sua filha. Rosa é mandada para a cozinha enquanto o Cel. Sebastião e Aurora jantam. Malvina e Leôncio discutem por causa de Isaura. Belchior é caçado e ameaça os capangas com uma faca. Álvaro tem medo de morrer.

Sexta, 26 de maio
A febre de Álvaro continua alta. Malvina nega deitar-se com Leôncio até que ele deixe de se preocupar com Isaura. Tomásia confessa a Miguel que emprestou os cavalos para a fuga de Isaura com Álvaro. Diogo pensa em pedir a anulação de Helena com o Dr. Paulo. Álvaro tem um pesadelo e acorda nervoso. Isaura sai para pescar com Álvaro devido à sua ligeira melhora. Francisco consegue mais capangas para capturar Isaura. Aurora lê ?Os Lusíadas? de Camões, para Rosa.Tomásia e André pensam numa armadilha para Leôncio. Geraldo diz a Miguel que muitas pessoas desejam o fim de Leôncio. Isaura e Álvaro falam sobre as suas vidas. Henrique e Aurora encontram-se e ficam encantados um com o outro. Bernardo compra uma carruagem para Moleca. Belchior pede o seu dote a Malvina. Tomásia decide um plano contra Leôncio.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta uma página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 15 a 19 de maio

a-escrava-mae-logoConfira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 15 de maio
Leôncio ameaça Belchior e Isaura. Malvina chega com Dr. Paulo. Isaura está com anemia profunda. Leôncio não tem dinheiro para pagar a consulta de Dr. Paulo. Álvaro se sente fraco com os sintomas da febre amarela. André discursa e convence os quilombolas a invadir as fazendas e libertar escravos. Rosa consegue comida e Helena planeja fugir. Tomásia festeja seu amor por Miguel. Serafina prepara o bordel para a festa. Belchior cuida de Isaura. Malvina descobre que Leôncio armou emboscada para Dr. Diogo. Malvina se arrepende de ter casado com Leôncio. Branca comemora o sucesso de seu plano. Álvaro sente-se mal.

Terça, 16 de maio
Geraldo diz a Branca que Álvaro já sabe das cartas falsas e que está decidido a voltar para Campos. Branca faz de tudo para que Álvaro não viaje. Geraldo segue viagem com o amigo. Bernardo pede novamente Moleca em casamento e ela aceita. Flor-de-Lis se despede de Serafina e sai com Henrique. Cel. Sebastião decide anular o casamento de sua filha Helena. Miguel conta sobre seu noivado à Isaura. Miguel pede Tomásia em casamento. Diogo e Helena trocam juras de amor. Gioconda se chateia com a ida do coronel ao bordel. Malvina quer ter um filho de Leôncio. Belchior dá caldo de feijão para Isaura.

Quarta, 17 de maio
Belchior tenta acalmar Isaura que chora muito. Henrique e Flor-de-Lis conversam sobre a situação deles. Leôncio sonha com Isaura. Cel. Sebastião avisa Rosa que Aurora, filha de uma irmã-prima, virá visitá-los. Miguel leva Gabriel para um passeio. Rosa pede ao coronel para ir ao casamento de Isaura. Gioconda recebe uma carta de perdão do Cel. Sebastião e Tomásia uma mensagem de telégrafo de Álvaro dizendo que está voltando para Campos. Branca não se conforma com o desprezo de Álvaro. Miguel sai para visitar Isaura. Leôncio ameaça Belchior caso ele ouse tocar em Isaura após o casamento. Álvaro chega na casa de Tomásia e lhe conta a verdade sobre as cartas falsas.

Quinta, 18 de maio
Tomásia acolhe Álvaro em sua casa. Geraldo pensa em algo para ajudar Isaura. Leôncio diz a Belchior quais serão as regras do casamento e aproveita para pedir a Francisco que tire a coleira de ferro do pescoço de Isaura. Henrique quer raptar Isaura. Miguel visita Isaura. Cel. Sebastião deixa Rosa ir ao casamento. Helena sonha com Diogo. Isaura se lamenta para seu pai. Malvina deseja que Isaura saia da fazenda e de sua casa. Tomásia diz a Miguel que Álvaro quer raptar Isaura. André conversa com João e Joaquina. Miguel visita Álvaro. Estela pede para que sua filha peça perdão à Perpétua, mas ela nega. Leôncio leva Isaura para o quarto e lhe diz que será sua despedida de solteira.

Sexta, 19 de maio
Leôncio discute com Isaura. Belchior comemora sua despedida de solteiro. Álvaro insiste que vai raptar Isaura. Serafina rejeita Belchior. Diogo e Helena estão felizes em uma hospedaria. Leôncio bate em Isaura e ameaça matá-la. Malvina flagra Leôncio. Malvina ameaça deixar Leôncio na miséria. Dr. Paulo briga com Belchior. Leôncio assume que deu presentes para Isaura. Álvaro melhora da febre amarela e vai ao casamento. Belchior se arruma para seu casamento. Isaura veste seu vestido de noiva. Álvaro pede ajuda à Tomásia para raptar Isaura.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta a página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 08 a 12 de maio

a-escrava-isaura-record-2gd1Confira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 08 de maio
Malvina presenteia Isaura com colar de ouro. Leôncio faz juras de amor à Isaura. Tomásia convida Belchior a morar em sua fazenda. Helena discute com Dr. Paulo. Leôncio sonha com Isaura. Malvina fica irritada com Leôncio. Henrique fica sabendo do casamento de Isaura. Bernardo pede Moleca em casamento. Rosa quer voltar para a casa de Sebastião. Martinho e Raimundo vão em busca de Rosa a pedido de Sebastião. Leôncio rouba beijo de Isaura. Isaura visita Miguel na cadeia.

Terça, 09 de maio
Isaura aceita se casar com Belchior. Rosa deixa o quilombo. Helena ameaça Dr. Paulo. Tomásia visita Miguel. Henrique visita Malvina e conversa com Isaura. Raimundo e Martinho encontram André e Rosa. André e Martinho brigam. Leôncio encontra Isaura fraca e com febre.

Quarta, 10 de maio
Isaura passa mal e Leôncio tenta descobrir a razão. Francisco avisa Malvina que Helena voltou para casa e que Diogo está na casa da Condessa de Campos. Dr. Paulo proíbe Helena de comer no jantar. Tomásia diz a Diogo que está apaixonada por Miguel e que pretende ajudar seu primo na fuga com Helena. Belchior ajuda Isaura na cozinha. Gioconda desaprova a atitude do Dr. Paulo, mas o Cel. Sebastião nada faz. Álvaro e Pedrinho falam de Isaura. Baixa a febre de dona Perpétua. Branca e Geraldo chegam em casa. Branca conta a sua mãe o que ela e Leôncio fizeram contra Isaura. A dona do bordel Serafina resolve sair de seu luto. No mesmo dia, chega uma carta para ela da mãe de Violeta. Martinho traz Rosa de volta para a fazenda do Cel. Sebastião. Serafina conta à Violeta sua história e diz a ela que sua mãe quer conhecê-la. Rosa e Helena fofocam. Isaura serve o jantar e logo depois desmaia. Malvina fica preocupada.

Quinta, 11 de maio
Preocupada com Isaura, Malvina pede que Francisco coloque Isaura em seu quarto. Leôncio não permite que o Dr. Paulo venha examiná-la. À noite, Malvina e Leôncio entram no quarto para se deitarem. Malvina tranca a porta e Leôncio fica bravo. Tomásia planeja a fuga de Helena e diz à Gioconda que precisará de sua ajuda. Serafina decide dar uma grande festa para comemorar seu retorno à vida. Malvina pede a Belchior que cuide de Isaura. Branca, Geraldo e Estela vão a casa de Álvaro. Malvina se prepara para passear, mas antes ameaça Leôncio caso ele faça algo com Isaura. Chega uma mensagem de telégrafo para Álvaro, mas Branca logo a esconde. Leôncio expulsa Belchior do quarto de Isaura. Rosa e Helena são proibidas de comer. Leôncio obriga Isaura a tocar piano. Violeta se despede do bordel para seguir viagem. Tomásia e Miguel se beijam. Leôncio ameaça mandar Isaura para o tronco caso ela não toque piano. Álvaro passa mal.

Sexta, 12 de maio
Perpétua pede que seu filho escreva uma carta para Isaura lhe contando o motivo de sua ausência. Geraldo desconfia que Branca esteja tramando algo. Miguel diz à Tomásia que a ama. Leôncio acaricia Isaura. Malvina chega na fazenda de seu pai e fica sabendo da situação de Rosa e Helena. Perpétua diz a Álvaro que ele está com febre amarela. Leôncio beija Isaura e ela lhe dá um tapa. Helena conversa com Malvina sobre as Maldades de seus maridos. Malvina leva Dr. Paulo para examinar Isaura. Bernardo conta a Henrique sobre sua compra da pensão. Leôncio dá uma bofetada em Isaura, que cai no chão. Geraldo visita Álvaro e lhe conta sobre o casamento forçado de Isaura com Belchior. Leôncio leva Isaura para o quarto e a joga na cama. Belchior bate com uma moringa na cabeça de Leôncio, mas nada acontece.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta a página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 1º a 05 de maio

a-escrava-isaura-record-2gd1

Confira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 1º de maio
Leôncio pede que Isaura passe as mãos em seu cabelo. Branca e Geraldo descobrem que Álvaro viajou. Leôncio rouba um beijo de Isaura. Moleca briga com Rosa e diz a André que irá atrás de Bernardo. Diogo volta para casa. Francisco avisa Leôncio que Álvaro voltou para São Paulo, e ele por sua vez corre para dar a notícia para Isaura. Geraldo explica a verdadeira razão da partida de Álvaro. Branca decide voltar para sua cidade. Estela cuida de Perpétua. Leôncio quer que um falsário imite a letra de Álvaro em uma carta para Isaura. Na carta o amado dirá que não a quer mais. Diogo recebe a notícia que Helena está de volta. Moleca se encontra com Bernardo. Belchior conversa com Isaura na cozinha. Cel. Sebastião sonha com Gioconda. Branca escuta a conversa de Leôncio com Francisco e se oferece para ajudá-los para afastar Isaura de Álvaro.

Terça, 02 de maio
Leôncio beija Branca. Geraldo vai até o quarto de Malvina lhe dizer galanteios. Margarida diz a Francisco que conhece um falsificador de cartas. Belchior fala para Isaura que ela não precisa beijá-lo depois do casamento. Bernardo pede Moleca em casamento e lhe dá um beijo. Tomásia confessa a sua mãe que se interessa por Miguel. Gioconda recebe um convite do Cel. Sebastião para almoçar em sua casa. Branca vai até Isaura lhe dizer que ela se casará com Álvaro. Geraldo e sua irmã voltam para São Paulo. Rosa e André se beijam. Branca conta à Malvina sobre seu casamento. Perpétua tem medo de morrer. Leôncio recebe a carta de Álvaro falsificada e a leva para Isaura, que se decepciona. Isaura conta para Malvina que Leôncio dará a liberdade de seu pai caso ela se case com Belchior. Gioconda vai até a casa do coronel. Helena chega de carruagem e encontra o Dr. Paulo. Miguel se declara para Tomásia. Leôncio chega logo depois.

Quarta, 03 de maio
Leôncio e Tomásia discutem. Dr. Paulo leva Helena para a casa de Sebastião. Leôncio convence Miguel com a carta falsa de Álvaro. Helena bate em Dr. Paulo com uma garrafa. Isaura chora. Álvaro chega em sua casa. Malvina dá conselhos à Isaura.

Quinta, 04 de maio
Malvina presenteia Isaura com colar de ouro. Leôncio faz juras de amor à Isaura. Tomásia convida Belchior a morar em sua fazenda. Helena discute com Dr. Paulo. Leôncio sonha com Isaura. Malvina fica irritada com Leôncio. Henrique fica sabendo do casamento de Isaura. Bernardo pede Moleca em casamento. Rosa quer voltar para a casa de Sebastião. Martinho e Raimundo vão em busca de Rosa a pedido de Sebastião. Leôncio rouba beijo de Isaura. Isaura visita Miguel na cadeia.

Sexta, 05 de maio
Isaura aceita se casar com Belchior. Rosa deixa o quilombo. Helena ameaça Dr. Paulo. Tomásia visita Miguel. Henrique visita Malvina e conversa com Isaura. Raimundo e Martinho encontram André e Rosa. André e Martinho brigam. Leôncio encontra Isaura fraca e com febre.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta a página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

A Escrava Isaura: Resumos dos capítulos de 24 a 28 de abril

4LUkCls.pngConfira os resumos dos capítulos da semana:

Segunda, 24 de abril
Álvaro pede a Belchior que avise Isaura de que ele está na casa da condessa de Campos. Leôncio dá um tapa em Isaura. Malvina desconfia que Leôncio bateu em Isaura. Dr. Paulo beija Rosa. Coronel Sebastião chega em casa e encontra Dr. Paulo e Rosa na sala. Branca e Geraldo se despedem de Estela e seguem viagem para Campos. Miguel conversa com Coqueiro, presidiário condenado à morte. Leôncio desconfia que Álvaro esteve em sua fazenda. Belchior conta à Isaura que seu noivo está na casa de Tomásia. Henrique descobre mina de diamantes. Leôncio diz à Isaura que prepara uma arapuca para Álvaro. Belchior conta a Álvaro que Isaura será leiloada. Leôncio recebe uma mensagem de telégrafo informando que Branca e Geraldo virão visitá-lo em poucos dias.

Terça, 25 de abril
Belchior vai à casa de Tomásia contar o que acontece na fazenda de Leôncio. Álvaro aproveita a situação e pede que o jardineiro entregue uma carta para Isaura. Rosa discute com seu pai. Leôncio obriga Isaura a novos trabalhos. Gioconda desconfia do leilão. Leôncio tenta não fazer o leilão, mas Malvina não concorda com seu marido. Dr. Paulo quer receber o dote de Helena. Tomásia se lamenta pela situação de Miguel. Gioconda desconfia que sua filha esteja se envolvendo com Miguel. O sargento confessa a Miguel que se sente atraído pela condessa e Miguel diz que se preocupa com ela. Leôncio vai até a senzala e se depara com Isaura após seu banho. Isaura pede a Belchior que avise sobre o leilão para Álvaro. André encontra Rosa que lhe pede para ajudá-la a fugir para o quilombo. Leôncio quer cancelar o leilão.

Quarta, 26 de abril
Leôncio pede para Francisco pensar em algo que cancele o leilão. Malvina vai até Isaura lhe dizer que enviou um mensageiro até Álvaro para avisá-lo sobre o leilão. Álvaro e Tomásia recebem a mensagem. Coronel Sebastião é informado sobre o leilão. Rosa fica com inveja de Isaura. Henrique e Bernardo descobrem que o comprador de diamantes está na cidade. Bernardo consegue vender os diamantes por um bom preço. Leôncio pede para Isaura cortar suas unhas. Sargento se declara para Tomasia. Miguel recebe a visita de Tomasia. Coqueiro tem seu pedido de clemência negado pelo juiz. João conta a história do Zumbi para Moleca. Leôncio quer estipular um preço mínimo por Isaura, Malvina nega. Dr. Paulo pensa comprar Isaura caso ele receba o dote. Leôncio diz que não vende Isaura para Álvaro. Depois de duas semanas desacordado, Diogo acorda ao lado do índio que cuidou do seu ferimento perto do coração. Álvaro diz a Henrique que é noivo de Isaura. Leôncio diz à Isaura que não a venderá.

Quinta, 27 de abril
Leôncio acorrenta Isaura. Malvina flagra Leôncio tentando se aproveitar de Isaura. Henrique chora pelo amor de Isaura. Álvaro e Tomásia pensam em alguém para representá-los no leilão de Isaura. Geraldo e Branca chegam à fazenda de Leôncio. Malvina tem medo do que possa acontecer no leilão. Branca ameaça Isaura. Tomásia solicita escolta para ir ao leilão e contrata o sargento para representá-la. Sebastião, Paulo, Henrique e Bernardo chegam para o leilão. Henrique encontra Isaura.

Sexta, 28 de abril
Henrique não aceita o amor de Isaura e Álvaro. Diogo consegue escrever uma carta para Tomásia. Tomásia e Álvaro chegam ao leilão. Leôncio os impedem de entrar e proíbe que o sargento participe. Álvaro pede para Geraldo comprar Isaura. Sebastião se nega a comprar Isaura. Leôncio ordena que Belchior dê o lance mais alto. Leôncio ameaça matar Isaura. Leôncio tenta se suicidar. Sebastião pede para suspender o leilão e Leôncio pensa em casar Isaura com Belchior para dar-lhe a liberdade. Álvaro paga Belchior para chamar Isaura.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta a página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

Saiba como será a transição entre Escrava Mãe e A Escrava Isaura

oiiNesta segunda-feira (9), após a exibição do último capítulo de Escrava Mãe, a Record TV dá início a reapresentação de A Escrava Isaura

No encerramento da novela, que conta a história da mãe de Isaura, Átila (Léo Rosa) explica à sua filha, Dorinha, como foi o amor de Juliana (Gabriela Moreyra) e Miguel (Pedro Carvalho). Quando a menina pergunta como a trama continua, o revolucionário diz que, a partir de agora, será contada por uma outra pessoa, de uma forma muito especial (ele se refere a Bernardo Guimarães, autor da obra de “A Escrava Isaura”).

Após uma passagem de tempo, surge em cena Isaura (Bianca Rinaldi) já adulta tocando piano na sala. E tem início a reprise de A Escrava Isaura, o primeiro sucesso da Record TV desde que retornou a dramaturgia, em 2004.

Escrava Mãe, termina com 11 pontos de audiência em São Paulo, consolidando-se na vice-liderança isolada.

Me siga no Twitter: @sigaberaldo

Me siga no Instagram: @beraldo27

Curta a página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

Colabore para o Portal 4 continuar com as suas atividades, saiba mais, clique aqui