Pega-Pega é uma novela infantil que não faz o telespectador (adulto) pensar

rodrigo-fagundes-marcos-caruso-e-camila-queiroz-recebem-convidados-no-ficticio-hotel-carioca-palace-cenario-da-novela-pega-pega-1495193338091_v2_615x300.jpg

Com um mês no ar, podemos fazer uma analise profunda ou não da novela das sete da TV Globo. Pega-Pega que prometia ser uma comédia leve e divertida cumpriu o seu papel no quesito divertir. Porém, o público é infantil com idade até no máximo 8 anos. É uma novela boba, com diálogos fracos e situações que foge de outras produções da emissora.

Conversando com uma amiga de 80 anos e fã de telenovelas ela me relatou que o folhetim é leve demais para um público que quer pensar. Neste ponto, Pega-Pega não ajuda o telespectador. Mirou em um núcleo e acertou nas crianças da pré-escola que acompanha os desenhos da TV Cultura e órfãos do ”Sítio do Picapau Amarelo”.

Não vamos julgar a historia de Bebeth (Valentina Herszage) que contracenou com um canguru de pelúcia. Ela tem uma psicose reativa breve, um problema que pode ser desencadeado por um forte trauma ou predisposição o que leva ela a conversar com o ‘seu melhor amigo’.

Mateus Solano (Eric) defende o seu papel enquanto Camila Queiroz (Luiza) ainda não achou o tom. É triste ver atores consagrados do nível de Irene Ravache e Marcos Caruso em um folhetim que não atiça a inteligência do público. Seus personagens são ótimos e eles carregam a novela nas costas. Eu consigo rir com o Caruso porque sei que dentro da sua bagagem ele consegue mudar o texto que é ruim demais e torna-ló divertido. A cena dele no ônibus nesta semana é a prova disso.

O roubo do hotel que segura o folhetim é fraco, chato, beira o ridículo em cenas constrangedoras para os atores e o público (adulto). As crianças que não assistiram seriados policiais certamente adoram as cenas de ”ação” e a brincadeira de ”pega pega” entre os quatros ladrões e a dupla de investigadores que pegou a ”ocorrência” para solucionar o caso.

Mesmo com índices na casa dos 28 a 30 pontos em São Paulo prova que o público comprou a ideia. Ou não? Já que Record, SBT e Band mantiveram seus índices na faixa horária. Não seria melhor ”vender” a novela como um produto infantil e dedicado a eles?. O SBT faz isso e não esconde. Seria uma forma honrosa de pelo menos corrigir o erro.

Pega-Pega caminha para ser a novela mais fraca da TV Globo desde ”Além do Horizonte” e ”Tempos Modernos”.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta uma página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

Anúncios
Esse post foi publicado em Globo, Opinião e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s