Ex-empresário de Cristiano Araújo morre após ser baleado no RJ

5ssl4kcqir3sj0qgy7utolk9w.jpgO ex-empresário do cantor sertanejo Cristiano Araújo, D’Stefany Vaquero Lima, de 32 anos, conhecido como Didi Latino, morreu, na madrugada desta quarta-feira, no Hospital Municipal Victor de Souza Breves, em Mangaratiba. Ele foi levado para a unidade após ser encontrado por PMs do 33º BPM (Angra dos Reis) baleado e caminhando com as roupas sujas de sangue pela Rodovia Rio-Santos.

Ele foi levado pela polícia para Hospital Municipal Victor de Souza Breves, em Mangaratiba, e embora consciente não conseguiu explicar as circunstâncias do tiro. Foi aberta uma investigação para entender o caso. Quando foi encontrada, a vítima portava um passaporte, dois cartões de crédito e R$ 500 em espécie.

Ele teria levado quatro tiros. O crime é investigado pela 165ª DP (Mangaratiba). O empresário, segundo os policiais, falava coisas desconexas não soube explicar o que aconteceu.

Didi Latino é natural de Goiânia e estava morando em Fortaleza. O velório e sepultamento deve ocorrer em sua cidade natal, no Cemitério Jardim das Palmeiras na noite desta quarta-feira, 24.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta uma página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

Anúncios
Esse post foi publicado em Obituário e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s