Diretor geral da TV Globo envia e-mail sobre assédio e emissora apoia movimento de atrizes

Carlos-Henrique-SchroderO diretor geral da Rede Globo, Carlos Henrique Schroder, enviou um e-mail aos funcionários da emissora para falar sobre o assédio sofrido pela figurinista Susllem Tonani. A profissional divulgou o caso na última sexta-feira (31), em uma carta no jornal ‘Folha de São Paulo’, acusando o ator José Mayer de assédio sexual durante as gravações da novela ‘A Lei do Amor’.

“Hoje, tivemos uma reunião que considero muito importante. Ouvi com muita atenção cada uma das colocações de vocês, principalmente no que diz respeito a sempre nos comunicarmos melhor. Por isso resolvi mandar este e-mail, para que vocês estejam alinhados com o que pensamos, o que respondemos e o que fazemos. Temos sido questionados por várias pessoas da imprensa sobre nossa posição como Globo. Estas quatro perguntas e quatro respostas sintetizam nossa posição. E resolvemos compartilhar com cada um de vocês. Mesmo porque, você é nosso maior disseminador. Como acreditamos que você também está sendo cobrado e perguntado, compartilhar nossa visão e nossas respostas seguramente pode ajudar nas suas. Estamos juntos e seguros de que estamos agindo conforme nossa consciência, dentro dos mais profundos compromissos com todos os nossos colaboradores e com o Respeito. Qualquer dúvida, pode perguntar. Abraço, Schroder”, diz o início do e-mail.

 

Em seguida, o diretor divulgou as perguntas que a imprensa tem feito, juntamente com as respostas e posicionamentos da emissora diante do caso.

 

“José Mayer teve sua escalação suspensa da novela de Aguinaldo Silva como punição pela acusação de assédio?

A Globo decidiu não escalar José Mayer para a próxima novela das nove de Aguinaldo Silva, prevista para ir ao ar em 2018. Essa é uma atitude isenta e responsável da Globo de não dar visibilidade a uma das partes envolvidas numa questão que é visceralmente contra tudo que a Globo acredita. E não é uma atitude isolada. A atitude da Globo será sempre essa. A de defender que casos como esse devem ser apurados, ouvindo e oferecendo todo apoio às duas partes, dando possibilidade para que a verdade aflore e criando condições para que não se repitam. Foi isso que fizemos. E é isso que sempre faremos.

Soubemos que diferentes profissionais da emissora estão se reunindo entre si e com a direção desde o fim de semana para tratar desse assunto. Procede?

Neste final de semana, houve uma reunião organizada por profissionais da empresa para a qual a Globo foi convidada e esteve presente. E hoje houve uma reunião extraordinária nos Estúdios Globo com os principais líderes do entretenimento para conversarmos franca e abertamente sobre este caso. Mas é importante que se diga que reuniões de trabalho acontecem e acontecerão sempre que forem necessárias, principalmente quando disserem respeito a fatos contrários aos nossos valores. Isso está em total alinhamento com a nossa gestão de transparência e diálogo permanente.

 

Além disso, o fato de termos um processo de compliance estruturado, dentro do Grupo Globo, reflete a nossa crença de que nenhum assunto deve ficar sem análise, sem apuração e sem atitude tomada. É assim hoje e assim será sempre. Não compactuamos com atitudes que contrariam o respeito que defendemos. Essa acabou sendo mais uma oportunidade para que a Globo reforce crenças de respeito à diversidade, ao ser humano, que existem na emissora há tempos. Tudo que tem sido discutido internamente, todas as dúvidas que têm sido tiradas, têm como base o Código de Ética e de Conduta do Grupo que prega esses valores desde sempre.

 

Como serão tratadas as funcionárias que forem trabalhar com a camiseta ‘Mexeu com uma, mexeu com todas’? A Globo sabe dessa mobilização?

Não só sabemos como apoiamos. Temos conhecimento dessa iniciativa e ela será bem recebida, pois está absolutamente alinhada com as crenças e os valores da empresa. Nós, assim como nossos funcionários, defendemos a transparência, a liberdade de expressão e a mobilização para as causas nas quais acreditamos. Nossos funcionários e funcionárias que vierem vestidos com a camiseta amanhã terão como companhia nossos executivos e diretores, com ou sem camiseta o Respeito é uma causa comum a todos. Não tem como ser diferente.

 

É verdade que a Globo está produzindo uma campanha interna pelo Respeito?

A campanha já existe, se chama ‘Tudo Começa Pelo Respeito’ e está no ar desde agosto do ano passado. Com desdobramentos na dramaturgia, no futebol, na Fórmula 1, no discurso de nossos autores, diretores e executivos. Está é a verdade da Globo, o que ela prega e no que ela acredita. O que a Globo fala, ela faz”.

Me siga no Twitter: @beraldotv

Me siga no Instagram: @beraldotv

Curta a página do Portal 4 no Facebook, clique aqui

Colabore para o Portal 4 continuar com as suas atividades, saiba mais, clique aqui

Anúncios
Esse post foi publicado em Globo e marcado , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Diretor geral da TV Globo envia e-mail sobre assédio e emissora apoia movimento de atrizes

  1. Ozilda disse:

    É o Marcos BBB?

  2. E disse:

    Marcos bbb17 ?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s